domingo, 30 de abril de 2017

TOP 10/10: Aberturas e Encerramentos de Animes Favoritos!

Diretamente influenciado pela lista do Leonardo Kitsune no Video Quest, resolvi fazer a minha própria lista de aberturas e encerramentos favoritos. Um ponto importante é que preferi não listar o óbvio, mencionar Pegasus Fantasy, Laços de Flor e demais músicas adaptadas para o Brasil.

São 10 aberturas e 10 encerramentos! Isso é um TOPZERA DE ANIMES! Desculpa!

Veja minha lista a seguir com breves comentários:

Ataque dos Titãs – Shingeki no Kyojin

Ataque dos Titãs é um dos últimos gigantes recentes, sem trocadilhos. A abertura passa exatamente o tom de espetáculo e drama que a história está propondo.



Baccano

Descobri Baccano por acaso e fui conquistado imediatamente pela abertura. O estilo não linear de contar a história também é uma característica bem marcante do anime. A abertura é tão marcante que o estilo foi replicado em Durarara, animação baseada em outra obra do autor de Baccano.



Bakemonogatari

Bakemonogatari tem pontos altos e baixos, em um momento a história flui muito bem, mas em outros parece haver uma barreira no roteiro que impede o desenvolvimento da trama. Todo o valor de produção voltado para a estética, focando na criatividade dentro de um orçamento padrão, é refletido na abertura do anime.



Beck

Beck foi animado em um power point. Isso é um fato. Outro fato é que a abertura, encabeçada pelo Beat Crusaders, é muito boa. O inglês não é perfeito, mas até que combina com o fato da história focar em japoneses cantando na língua da terra da rainha.



Cowboy Bebop

Eu não queria colocar Cowboy Bebop nessa lista, mas não tem como não colocar Cowboy Bebop nesse tipo de lista.



Death Parede

Death Parede possui uma das melhores aberturas do mundo dos animes pelo simples fato de ter apresentado o Bradio para o mundo.



Elfen Lied

Elfen Lied foi o primeiro anime sanguinolento dos anos dois mil focado em uma trama jovem liderada por uma protagonista bipolar de cabelo rosa. Além de criar praticamente um novo subgênero nas animações, Elfen Lied também conta com uma abertura única e tocante.



Ergo Proxy

Ergo Proxy tem uma belíssima abertura que consegue passar toda melancolia e solidão da sua trama com apenas uma música.



Lupin

Nunca assisti nada de Lupin, mas sou apaixonado por essa abertura.



Paranoid Agent

Idealizado pelo mestre Satoshi Kon, Paranoid Agent tem uma abertura bizarra que fala muito sobre a proposta esquisita e sociopata do anime.



Agora, TOP 10 de encerramentos!


Aku no Hana

Feito em rotoscopia, o anime tem uma história perturbadora e seu encerramento reflete isso, deixando o telespectador igualmente desconfortável (não encontrei o vídeo de encerramento).



Beck

O encerramento está aqui pelos mesmos motivos que a abertura, mas também acrescento o fato da animação fazer referências a diversos roqueiros famosos.



Bleach

Life is Like a Boat, da Rie Fu, é uma música linda! E, não se contentando em ser linda, ainda serviu para dar uma zoada no Jovem Nerd! Também não encontrei o vídeo.



Hellsing

Hellsing foi um dos primeiros animes que vi usar uma música de uma banda ou cantor japonês em seu encerramento. Outras obras fizeram isso antes dele, mas o que vi primeiro foi esse. Shine, do Mr. Big, é uma música clássica do estilo de rock melódico dos anos oitenta e noventa.



Lucky Star

Lucky Star é uma história e animação experimental e seu encerramento não poderia ser diferente. Ao invés de simplesmente tocar uma música, na primeira parte da história as protagonistas vão ao karaokê cantar uma música diferente por episódio. Na segunda fase é mostrado um vídeo da equipe de produção, especificamente um dos dubladores, fazendo algo diferente por encerramento. Um dos encerramentos mais marcantes é o da Konata, protagonista da história, cantando uma das aberturas de Dragon Ball durante o karaokê.



Monster

Uma música que define solidão e o definhamento de um ser humano em melodia.



Neon Genesis Evangelion

Evangelion é um clássico para todos dominar. Seu encerramento, Fly me to the moon, do Frank Sinatra, é apresentada com uma versão diferente a cada episódio.



Paradise Kiss

Nunca assisti Paradise Kiss, sequer tinha interesse, mas descobri a poucos dias por causa da “Karol do Gyabbo” que o anime toca Franz Ferdinand no fim dos seus episódios e isso o fez virar automaticamente um dos meus encerramentos favoritos.



Sakamichi no Apollon

O encerramento de Sakamichi no Apollon é uma das coisas mais tristes do mundo! Em alguns episódios a música chega a bater bem fundo.



Tonari no Seki-Kun

Tonari no Seki-Kun é um anime curtinho cheio de carisma. Seu encerramento não poderia ser diferente, por isso é muito marcante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário